Início » Benefícios » Inscrição FIES 2021 – Mudanças para o ano, Como fazer e Documentação

Inscrição FIES 2021 – Mudanças para o ano, Como fazer e Documentação

O Fundo de Financiamento Estudantil (FIES) é um programa criado pelo Ministério da Educação (MEC) que possui como objetivo fornecer auxílio para estudantes que não possuem capacidade para pagar uma universidade particular.

Descubra quais são as mudanças do FIES para o ano de 2021, além de descobrir como se inscrever, quais são os requisitos e mais informações!

Mudanças FIES 2021

fies

Podemos destacar as seguintes mudanças no FIES para 2021:

🟢 O P-Fies não está mais relacionado com o FIES:

O P-Fies é uma das modalidades do FIES, mas a partir de 2021 o estudante não terá mais de usar a nota do ENEM, muito menos limite de renda para solicitar o financiamento.

Ou seja, além de acabar com certos critérios, o estudante pode solicitar o P-Fies em qualquer época do ano.

🟢 Aumento das notas de corte:

A partir de 2021, o FIES exigirá uma nota média ainda igual de 450 pontos, mas a nota de corte da redação aumentará para 400 pontos. A diferença é que até então era só exigido que o estudante não zerasse a redação.

🟢 Renda do estudante:

Para solicitar o FIES 2021, deve-se comprovar agora a renda de até 3 salários mínimos.

Além disso, é necessário que, para solicitar transferência de universidade, agora o candidato tenha cumprido não somente os critérios da prova do ENEM, como também a nota de corte do seu curso superior.

Inscrição FIES 2021: Como fazer?

A inscrição do FIES 2021 é feita para estudantes que desejam solicitar um financiamento que pode incluir tanto uma bolsa integral – de 100% – quanto parcial (de 50%).

site fies

Com isso, há uma grande ajuda a estudantes que não poderiam, sozinhos, quitar as mensalidades de um curso superior.

Algo que muitos estudantes fazem é tentar uma bolsa de 50% no FIES quando já possuem outros 50% garantidos como bolsa parcial pelo PROUNI. Uma boa ideia, não é?

Veja como fazer a inscrição FIES 2021:

1– Acesse o site do Sistema de Seleção do FIES, em primeiro lugar, dentro da fase de pré-seleção.

Lá, você precisa cadastrar seus dados pessoais, como data de nascimento, CPF e endereço de e-mail. Também, será necessário escolher uma senha de acesso ao portal do FIES.

Fique de olho em seu e-mail, pois um e-mail de confirmação será enviado.

Continue preenchendo seus dados, em especial para indicar o curso desejado por você e a instituição de ensino.

2– Se você for escolhido na pré-seleção, você entra para o próximo passo – o do cadastro no site do SisFIES.

Nele, você informa seus dados para a contratação do financiamento, sendo que algumas informações são não somente suas (como a renda), mas do seu fiador e outra documentação.

3– Posteriormente à inscrição, é momento de validar as informações fornecidas.

É o momento em que você precisa ir até a universidade onde está tentando a vaga para mostrar que as informações que você forneceu são verdadeiras.

Só assim você poderá contratar o financiamento.

3– Após todo esse processo, vá até uma agência do banco escolhido durante o cadastro do SisFIES, juntamente com seu fiador, para negociar e finalmente formalizar o seu financiamento estudantil.

Para conferir o resultado de todo esse processo, basta acessar o site oficial do FIES e conferir por lá se você foi um dos candidatos selecionados.

Quais são os documentos necessários para o FIES 2021?

Durante o momento de formalização do financiamento estudantil, lá na agência, você precisa ter em mãos vários documentos.

site do fies

Para o contratante, que é você, apresente:

✔️ Documento de identificação oficial com fotografia, como o RG,

✔️ CPF,

✔️ Comprovante de residência,

✔️ Documento de Regularidade de Inscrição (DRI), que é emitido pela CPSA.

Caso você seja menor de idade (menos de 18 anos), apresente documentos do representante – responsável – legal, assim como certidão de casamento, CPF e documento de identificação do cônjuge, se essa for a situação.

Estudantes com bolsa parcial do PROUNI também precisam apresentar o termo de concessão de bolsa.

Para o fiador, é necessário os seguintes documentos:

✔️ Documento de identificação original com fotografia, como o RG,

✔️ CPF,

✔️ Comprovante de residência,

✔️ Comprovante de rendimentos – se a fiança for do tipo convencional,

✔️ Certidão de casamento, CPF e documento de identificação do cônjuge, se o fiador possuir.

Depois do processo na agência bancária, se informe com a instituição de ensino sobre quando será o início das aulas.

Caso o período letivo já tenha se iniciado, o FIES começa a valer apenas para o próximo semestre, ok?

Comente