Início » Benefícios » Inscrição Bolsa Família 2021 – Como fazer? Veja benefícios e Orientações

Inscrição Bolsa Família 2021 – Como fazer? Veja benefícios e Orientações

O Programa Bolsa Família foi criado pelo Ministério do Desenvolvimento Social do Governo Federal do Brasil e seu objetivo é ajudar famílias de baixa renda para que tenham acesso a saúde, alimentação e educação.

Para participar do programa é necessário cumprir alguns requisitos e o monitoramento é feito por Agentes Comunitários da Saúde que fazem visitas periódicas às famílias beneficiárias, onde avaliam o estado nutricional e educacional dos membros da família.

Confira abaixo como fazer a inscrição no Bolsa Família 2021.

Como fazer Inscrição Bolsa Família 2021?

cartão bolsa família

Para fazer a inscrição, é necessário ir até o CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) de sua cidade portando os seguintes documentos de cada membro da família e solicitar a inscrição no CadÚnico:

✔️ CPF,

✔️ Título de Eleitor,

✔️ Termo RANI,

✔️ Carteira de Trabalho,

✔️ Identidade,

✔️ Certidão de Nascimento,

✔️ Certidão de Casamento,

✔️ Comprovante de residência,

✔️ Contracheque ou holerite,

✔️ Declaração escolar.

Se a família possui membros menores de idade ou que estão gestantes, os documentos para inscrição incluem também:

✔️ Comprovante de frequência escolar e de matrícula,

✔️ Exame de gravidez,

✔️ Carteira de vacinação atualizada (obrigatório para lactantes e grávidas também).

Os funcionários do local irão preencher um formulário e solicitar a inscrição no programa. O resultado é divulgado dentro de 90 dias após a solicitação.

Para solicitar a participação no Bolsa Família, os dados na plataforma CadÚnico devem estar atualizados há pelo menos dois anos.

As famílias que não tiverem acesso à internet podem ir até o departamento responsável pelo programa na prefeitura da sua cidade e consultar a lista de famílias que foram beneficiadas através do site.

Quem pode se inscrever?

Para participar do programa as famílias devem comprovar baixa renda (entre R$85,00 e R$178,00 por mês por membro).

família com bolsa família

As famílias categorizadas como pobres (que recebem até R$178,00 mensais por membro) podem participar se possuírem crianças e/ou adolescentes ou se alguma mulher da família estiver grávida.

Para quem tem membros crianças ou adolescentes na família, é preciso comprovar a frequência escolar e ter a carteira de vacinas atualizada.

Essas regras são monitoradas e, se não cumpridas, famílias beneficiadas podem ser excluídas do programa.

Principais benefícios

O principal benefício concedido pelo Bolsa Família é o valor mensal que varia de acordo com cada situação familiar:

cartão bolsa família e dinheiro

🔸 Benefícios Básico: para famílias que recebem até R$89,00 por mês. Recebem uma ajuda extra de R$ 89,00 mensais,

🔸 Beneficio variável: para famílias que recebem entre R$89,00 e R$177,00 por mês e que possuam crianças entre 0 e 15 anos na família ou gestantes e nutrizes.

Recebem R$41,00 por membro (podendo até 5 membros receberem o valor.

Cada jovem entre 16 e 17 anos cadastrado recebe R$48,00 (podendo até 2 jovens serem cadastrados).

Cada gestante e nutriz terá direito a R$41,00.

🔸 Famílias em situação de extrema pobreza: serão avaliados de acordo com a renda mensal de cada membro da família.

Os valores para 2021 ainda não foram divulgados, mas podemos ter como referência os valores deste ano.

Dicas Gerais

Confira duas dicas importantes para você, como beneficiário do Bolsa Família 2021:

criança segurando cartão do bolsa família

Como fazer a consulta do saldo?

O site da Caixa Econômica Federal oferece a consulta aos beneficiários do programa.

Aqueles que não têm acesso a internet pode realizar a consulta na agência física, portando o cartão cidadão.

Siga os passos abaixo no site ou no aplicativo da Caixa:

1- Acesse o site oficial,

2- Você pode escolher realizar a consulta através de três opções: “Consulta benefícios por UF”, “Consulta benefícios por município” ou “Consulta benefícios por família”. Dependendo da escolha, os dados a serem inseridos são diferentes.

consulta pública bolsa família

3- Tomando-se como exemplo o acesso pela “Consulta benefício por família”, será necessário digitar CPF, NIS (Número de Identificação Social) e Nome do responsável legal. Após, clique em “Consultar”.

site para consultar bolsa família

4- O site direcionará à página do programa, onde poderá checar as parcelas a receber.

O número NIS está contido em sua carteira de trabalho ou no extrato do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço). Este número é obrigatório para se cadastrar no Bolsa Família.

Quando sacar o benefício?

O site do Bolsa Família contém as datas quando a parcela estará disponível para saque, no link.

O saque pode ser feito em até 90 dias após a data da parcela.

Quando a pessoa não saca a parcela referente ao mês, a quantia do mês seguinte é depositada normalmente e as parcelas são acumuladas.

Comente